Herbário Póetico

Espaço destinado a divulgaçao de: Receitas, Crenças. Misticismo Chás, Ervas&Aromas. Medicina Convencional Fitoterápico e Alternativo! Tudo que se relaciona com coisas naturais! Sem fins lucrativos. Nosso prazer e ver você informado. Agradecemos sua visita! Volte Sempre!

Inteligentes &Perpicazes

Total de visualizações de página

terça-feira, abril 05, 2011

Mundo espiritual, karma e reencarnação





Já falei um pouco aqui no blog sobre espiritualidade. Hoje quero me aprofundar um pouco no assunto e convidar você a refletir comigo sobre o mundo espiritual, karma e reencarnação. O Além A maioria das pessoas evita pensar sobre o além por causa do medo da morte. Preferem focar no aqui e agora e agarram-se a ilusão do mundo físico com unhas e dentes achando que isso é tudo o que existe e que depois da morte, vem a aniquilação, o inferno ou o julgamento. Entretanto, para aqueles que já superaram esse temor e já tem consciência de que a morte não existe, é apenas uma passagem, surge a inquietação de saber como é o outro lado. O outro lado, meu amigo, será aquilo que sua mente criar, exatamente como aqui. O que já foi discutido no blog sobre o universo como criação da mente, vale também para o “lado de lá”. Com uma ressalva de que lá, a inercia é bem menor e o pensamento pode ser manifestado com mais facilidade. No plano espiritual a matéria é mais plástica e menos resistente ao pensamento disciplinado e dirigido. Isso não significa que quando morrermos iremos nos tornar verdadeiros deuses e criar um universo próprio a nosso bel prazer, de maneira alguma. Ao deixarmos a fisicalidade adentramos o plano espiritual levanto as mesmas limitações, bloqueios e imperfeições que tínhamos enquanto vivendo no universo físico. A situação que nos encontraremos lá será consequência direta do conhecimento que adquirirmos aqui. É por isso que o controle exercido sobre nossas mentes do lado de cá se perpetua do lado de lá. No mundo espiritual os “universos compartilhados” são bem mais numerosos e heterogêneos quando comparados com o mundo físico. Isso acontece como consequência da menor resistência de manifestação do pensamento. Assim, você pode se deparar com seres vivendo em situação extremamente degradante e outros vivendo uma certa “bem-aventurança” e paz. Os chamados planos espirituais, nada mais são do que frequências vibratórias onde espíritos com padrões mentais semelhantes se sintonizam. Assim, você pode encontrar infernos, paraísos, e toda uma gradação entre esses dois com cidades astrais e gente vivendo lá uma vida bem parecida com a que vivemos aqui. Inclusive podem ter espíritos isolados em suas próprias mentes remoendo suas culpas por séculos a fio. Tudo continua uma questão de como você cria sua realidade. Os obreiros da espiritualidade e a lei do karma É bastante frequente você encontrar em livros sobre espiritualidade relatos sobre mentores espirituais, guias, conselho karmico, hierarquia terrena e por aí vai. Não quero dizer que tais entidades e organizações não existam. De fato, acredito que existam. Entretanto, é preciso que analisemos com bastante cuidado a razão de ser de toda essa organização extra-física. No meu entender, karma é mais um mecanismo de controle, isso já deixei bem claro no blog.






No entanto, será que conseguiríamos, como raça, subsistir sem essa lei? Levando em consideração a situação que nos encontramos hoje, acredito que a esmagadora maioria da humanidade não conseguiria. É como no filme Matrix onde Morfheus conta a Neo que depois de uma certa idade não era recomendado tirar a pessoa do sistema sob o risco da mente não resistir. É aí que entram os obreiros, mentores espirituais, guias, conselhos... é preciso que saibamos que todos eles são seres humanos como eu e você, só não estão no mundo físico. Muitos deles têm um conhecimento da realidade e de si mesmo bem próximo do nosso e estão lá cumprindo um papel por amor aos entes queridos do lado de cá, por achar que fazendo o bem irão melhorar... enfim, estão dentro da matrix assim como nós, só que com um pouco mais de liberdade.







Por outro lado, acredito que existam seres do lado de lá que estão bem cientes da situação da humanidade. Seres que sabem quem são e qual a sua origem. Estes, seriam como Morfheus que preferem não tirar as pessoas do sistema para não causar um dano ainda maior em suas mentes. É muito difícil para um ser se libertar de um condicionamento em que está preso a milênios. Assim, esses seres humanos despertos tentam nos ajudar da maneira que podem. São eles que se utilizam da ilusão da lei do karma, ou causa e efeito, para nos ajudar a superar nossas culpas e patologias psíquicas que impedem nossa libertação. Lembre-se que o karma só tem validade por que acreditamos que deve ser assim. A reencarnação como remédio A maioria de nós que está hoje encarnada, veio aqui para se curar de seus ódios, culpas, medos, neuras e todo tipo de patologia psíquica que acomete a humanidade. Por isso é que, na maioria das vezes, o ser nasce no meio daqueles que foram seus desafetos do passado. O pai se torna filho de seu algoz, para transmutar ódio em amor. Inimigos se tornam irmãos, outros se tornam mães daqueles que magoaram para compensar a culpa de agravos passados, outros nascem com deformidades físicas, porque acreditam que assim irão expurgar erros pretéritos... e assim somos compelidos a curar nossas mentes para nos libertarmos do controle. Mas como a fisicalidade é o palco onde o controle se efetiva, muitos de nós sucumbe e perde a chance de se curar. Chegando, muitas vezes a voltar pro lado de lá pior do que viemos! Existem também aqueles espíritos despertos que “descem” ao físico para tentar ajudar os que aqui se encontram a se libertar da prisão mental. Imagine você o sacrifício que é para um espírito livre que, por amor, se submete ao controle da matrix correndo o risco de se emaranhar no drama criado para nós e cair na mesma armadilha que prende o resto da humanidade. É você quem escolhe Assim, amigo, você tem toda liberdade de experimentar a realidade da maneira que melhor lhe convier. Estude, se aprimore e busque se libertar da ilusão enquanto está aqui. Dessa maneira, ao chegar do lado de lá, você poderá usufruir da liberdade que é inerente ao espirito humano. Liberte-se das prisões mentais aqui e agora, sob pena de tornar-se refém delas do lado de lá.




Seja você, seja livre!!! Um abraço.

Fonte do texto e Imagem

http://aquelequebuscaverdade.blogspot.com/

Um comentário:

  1. tem selo p vc la no meu blogg...apareça p conversarmos! bjo gde

    ResponderExcluir

Reflexão

Estou aprendendo que a maioria das pessoas não gostam de ver um sorriso nos lábios do próximo.Não suportam saber que outros são felizes... E eles não! (Mary Cely)